Sexta, 22 de Outubro de 2021 19:57
67 992267546
Internacional Igreja

Igreja Presbiteriana dos EUA vota para proibir ordenação de homens gays

Nova regra afirma que homem devem seguir a santidade para serem ordenados na igreja.

05/07/2021 14h33
137
Por: thiago Fonte: gospelprime.com.br
Bandeira LGBT na Igreja (Foto: Direitos Reservados/Deposiphotos) Na semana passada, durante a 48ª convenção anual da Igreja Presbiteriana na América, em St. Louis, Missouri, a congregação votou para mudar um documento que desqualificaria todos os homens
Bandeira LGBT na Igreja (Foto: Direitos Reservados/Deposiphotos) Na semana passada, durante a 48ª convenção anual da Igreja Presbiteriana na América, em St. Louis, Missouri, a congregação votou para mudar um documento que desqualificaria todos os homens

Na semana passada, durante a 48ª convenção anual da Igreja Presbiteriana na América, em St. Louis, Missouri, a congregação votou para mudar um documento que desqualificaria todos os homens gays de servir em seu ministério.

A resolução “Abertura 23” para mudar a regra, foi aprovada em 1400-400.

A regra emendada diz que os oficiais da Igreja Presbiteriana na América precisam ser irrepreensíveis em sua caminhada e seguir o exemplo do caráter de Cristo.

Logo, aqueles que professam uma identidade atrelada ao homossexualismo, como ‘cristão gay’, ‘cristão homossexual’ ou termos semelhantes, contradiz com a identidade de Cristo, negando a realidade e a esperança da santificação progressiva, diz a regra.

 

Homossexualidade é pecado

Igualmente a nova emenda diz que quem assume a identidade de atração pelo mesmo sexo não está buscando a capacitação do Espírito Santo sobre as suas tentações, dessa forma está se inclinando para ações pecaminosas, sendo desqualificado para um ofício ordenado.

Agora, a nova regra segue para os órgãos da igreja local e será votada antes do segundo turno da votação da convenção no próximo ano. Somente depois o texto será colocado no “Livro da Ordem” da Igreja Presbiteriana da América.

Durante a convenção anual, a instituição também citou que continuará trabalhando com a Lifeline Children’s Services como seu ministério de adoção e assistência aos órfãos, pois eles tem compromisso com a santidade e com a vida.

 

Pelo contrário, o Bethany Christian Services não está na lista, já que anunciaram recentemente que estariam oferecendo os seus serviços para casais LGBT, segundo o The Christian Post.

gospelprime.com.br

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias